Procrastinação no estudo? Descubra como combater agora mesmo!
Dicas de Estudo Motivação

Como combater a procrastinação na hora de estudar?

Homem sentado em uma cadeira mexendo no celular e um computador ligado na sua frente
Escrito por G7 Jurídico

Muitas vezes, essa é uma questão que pode se tornar prejudicial em vários âmbitos da vida, como, por exemplo, alcançar seus objetivos!

Um dos maiores problemas atuais é a procrastinação. Ainda mais com a presença de tecnologias a um palmo de distância, internet de fácil acesso, disparo constante de informações, plataformas de streamings e portais digitais.

Sem dúvidas, esses elementos se tornam a melhor forma de procrastinar um trabalho ou, neste caso, um estudo. Quando estamos estudando ou nos preparando para algum concurso, esse é um problema que pode surgir no meio do caminho, o qual precisamos evitar!

Mas você sabe o significado de procrastinação e como vencê-la? Você sabia que este problema pode ser uma forma de esconder problemas maiores?

 

Qual o significado de procrastinação?

Basicamente, a procrastinação é o adiamento de uma ação. A pessoa que tem como costume adiar suas tarefas pode comprometer a qualidade de seus estudos ou trabalho, ou seja, procrastinar vai completamente contra o ato de produzir.

Muitas vezes, essa é uma questão que pode se tornar prejudicial em vários âmbitos da vida, como, por exemplo, alcançar seus objetivos, subir de cargo ou mesmo ir bem em um concurso público.

 

Por que pessoas procrastinam?

É importante saber que se você é um procrastinador e, se fizer essa pergunta, já está no caminho certo para evitar a procrastinação. Afinal, entender o motivo é o primeiro passo para fazer o problema parar.

Pessoas fora dessa situação por vezes veem a procrastinação como uma escolha. No entanto, não é bem assim.

Embora confiemos no nosso autocontrole para realizar os deveres que precisamos, fatores negativos fazem a procrastinação surgir, tais como a falta de motivação, ansiedade, medo do fracasso, o que também pode acontecer quando é necessário realizar uma tarefa desagradável ou quando trabalhamos em um ambiente com distrações.

Outro fator que leva a isso é a falta de energia pelo desgaste emocional ou mental. No entanto, há quem procrastine para dar mais emoção àquilo que precisa realizar, como quem prefere trabalhar sob pressão.

De todo modo, com exceção do último caso, é importante ficar atento aos motivos que levam à procrastinação.

 

Leia mais: Confira 10 dicas de concentração para estudar melhor e arrase nos próximos concursos!

 

+ 15 razões que levam as pessoas a procrastinarem

Nesta lista, vamos lhe apresentar mais alguns motivos que podem levar uma pessoa a procrastinar.

  1. Falta de um objetivo claro sobre determinada tarefa;
  2. Recompensas demoradas a acontecerem;
  3. Desconexão do seu “eu” futuro ou disjunção temporal. Isso basicamente faz com que o indivíduo acredite que o seu “eu” atual nada tem a ver com o seu “eu” futuro, pois é quem terá que lidar com as tarefas ou problemas adiados;
  4. Foco em ações no futuro, no qual se planeja hoje para realizar amanhã, mas que pode acabar procrastinando sem nunca seguir o planejado;
  5. Falácia do planejamento faz com que o otimismo de concluir uma tarefa em menor tempo leve a pessoa a procrastinar. Aqui entra também o famoso “amanhã vai ser diferente”;
  6. Incapacidade de tomar decisões em tempo hábil;
  7. Perfeccionismo;
  8. Medo de receber feedbacks negativos;
  9. Medo do fracasso;
  10. Auto incapacidade. É uma forma de atribuir suas falhas à procrastinação, isto é, alguém que usa disso como uma forma de esconder sua falta de habilidade em determinada situação;
  11. Autossabotagem ou comportamento autodestrutivo;
  12. Depressão;
  13. Prazer a curto prazo como prioridade;
  14. Impulsividade, sem planejamento e sem considerar futuras consequências;
  15. Falta de perseverança.

Agora que você já sabe o que pode causar a procrastinação, fique atento à forma como você se sente e se porta diante das situações. Se você é uma pessoa que procrastina e está estudando, fique de olho nas próximas dicas.

 

Quer saber como criar um roteiro de estudos eficaz? Clique no botão abaixo e veja as dicas do G7!

ROTEIROS DE ESTUDOS: DICAS

 

Como superar a procrastinação?

imagem mostrando uma mulher em frente ao computador com a mão na cabeça e olhando para baixo

Você está naquele momento em que precisa ler artigos, assistir a aulas ou se preparar para um simulado, mas se pega procrastinando no momento em que deveria estudar?

Pois bem. Vencer a procrastinação na hora de estudar não é exatamente difícil, mas precisa de um esforço hercúleo da sua parte para manter o foco. Lembre-se de que somente você pode alcançar os seus próprios objetivos!

  1. Descubra o que te motiva. Reflita sobre seus objetivos e onde deseja chegar, listando todos os detalhes. Deixe em um lugar visível para não se esquecer do que importa;
  2. Deixe as distrações de lado. Pode parecer difícil, mas é essencial para estudar. Seja desligar o celular ou ter um ambiente de estudo limpo, organizado e tranquilo;
  3. Crie e cumpra um cronograma. É uma das maiores dicas de aprovados para se passar num concurso público. Ter um planejamento atrelado aos seus objetivos é fundamental;
  4. Divida seus estudos em pequenas tarefas. Lembra que mencionamos acima sobre tarefas de longo prazo que nos fazem procrastinar por causa da recompensa demorada?
    Por isso, divida o estudo em etapas menores, de forma mais eficaz e “rápida”, e opte por se dar recompensas. Isso ajuda a se sentir mais motivado a continuar. Atenção: não se dê recompensas grandiosas demais e que vão lhe cobrar um longo tempo e que possam prejudicar seu cronograma;
  5. Mensure o seu tempo de estudos. Se você consegue ficar um bom tempo debruçado sobre livros e estudos, mas sente que não estudou nada, uma boa opção é medir o quanto gasta de tempo estudando. Para te ajudar, é possível usar aplicativos, como os de técnica de pomodoro, que intercala ciclos de 25 minutos de foco total com 5 de descanso. É uma boa forma de medir e manter a produtividade.

Fato é que procrastinação e concursos públicos não combinam, uma vez que a procrastinação atrapalha e muito o seu desempenho. Por isso, se você se enxerga como um procrastinador, é importante entender de onde isso vem e usar as técnicas aqui citadas para se manter o mais focado possível.

Vai ser um pouco difícil inicialmente, mas tente estabelecer objetivos menos abstratos e formas de se sentir mais produtivo.

Um jeito de driblar isso é com a ajuda de cursos de preparação para concursos públicos. Se seu desejo é esse, considere realizar um curso específico e reconhecido pelo mercado. Aqui, no G7 Jurídico, possuímos o melhor corpo docente da área jurídica e ferramentas de apoio, tais como cronogramas e simulados, que vão te ajudar a alcançar o seu melhor desempenho. Confira nossa proposta de estudos!

Gostou do conteúdo? Deixe um comentário!

 

 

Leia também: Confira 10 dicas de concentração para estudar melhor e arrase nos próximos concursos!

Sobre o Autor

G7 Jurídico

Comentar

Share This